Páginas

12 de dez de 2010

Ele: Posso conversar com você?
Ela: Pode
Ele: Aconteceu algo?
Ela: Não..
Ele: Você está tão diferente ultimamente.. Recusa todos os meus convites pra sair, não fala mais, não sorri mais.. Eu fiz algo pra você? Pode falar, afinal, somos melhores amigos
Ela: Nada que tenha sido total sua intenção..
Ele: Então algo aconteceu.. Mas o que? - disse ele, olhando seus olhos que se perdiam no meio de tudo..
Ela: Bom.. Eu vou me mudar.
Ele: QUE?
Ela: Eu vou morar com minha avó..
Ele: Porque? Te obrigaram?
Ela: Sim..
Ele: Quem?
Ela: Eu mesma.
Ele: O que aconteceu?
Ela: Hoje é meu ultimo dia aqui, acho que posso te contar.. Eu não quero ficar aqui porque.. - Seus olhos encheram de água
Ele: Porque? - ele disse, pousando seus dedos sobre seu rosto e limpando a lágrima que estava caindo
Ela: Porque eu não quero ver... - ela o abraçou. E chorou... E entre soluços, falou - Porque não quero ver você com outro alguém que não seja eu.. - Ela disse isso, soltou-se dos braços dele, e saiu, quando ela ia se virar, ele a gritou
Ele: Espera, você não precisa ver isso - E ela se virou, olhou bem nos olhos dele
Ela: Como assim? Você não gosta da sua namorada?
Ele: Cansei de finjir que os olhos dela brilham na mesma intensidade que os teus. Cansei de lutar pra achar seu sorriso sem graça na boca dela.. Cansei de tentar imaginar se o sabor do beijo dela é o mesmo do teu.. Cansei de mentir pra mim mesmo sobre meus sentimentos, eu quero você, da mesma forma que você me quer - ele chegou perto dela e a beijou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário