Páginas

26 de dez de 2010

Não quero alguém que morra de amor por mim.Quero alguém que queira estar comigo,me abraçando.Não exijo que esse alguém me ame como eu o amo,só que me ame. Não tenho a pretensão de que todas as pessoas que gosto,gostem de mim nem que eu faça a falta que elas me fazem.O importante é que em algum momento eu fui insubstituível.Quero sempre poder ter um sorriso em meu rosto,mesmo quando a situação não for boa e que esse sorriso leve paz para os que precisam.Quero poder fechar os olhos e imaginar alguém e que esse alguém também pensa em mim.Queria ter certeza de que apesar de tudo alguém me valoriza pelo que sou,não pelo que tenho.Que me vê como um ser humano completo e dê valor ao meu sentimento.Não quero brigar com o mundo,mas se isso acontecer,quero ter forças para mostrar a ele que o amor existe e é superior ao ódio.Quero poder ter a liberdade de dizer a alguém o quanto é especial pra mim,sem me preocupar em ferir alguém com esse sentimento.Quero poder dizer às pessoas que nada é em vão.Que o amor existe e que vale a pena se doar às amizade. 
     

Nenhum comentário:

Postar um comentário