Páginas

13 de jan de 2011

Dance comigo
Dance comigo
nos salões da insanidade
junte-se a mim nesta escuridão
Consegue ouvir a melodia que está a tocar?
Apenas aqueles em que a insanidade domina
sua mente é que podem ouvir
Vista-se com sua melhor roupa
Não, não precisa maquiar-se
Pois a beleza mais encantadora de todas
é aquela natural
Que não esconde-se atrás de máscaras
Apenas dance
Sinta a melodia tocar em sua pele
Não percebe que o salão está cheio?
Cheio de almas dançando e cantando
uma canção desconhecida
para aqueles que ainda habitam neste mundo
A canção da morte
Que só conheceremos
quando fizermos parte
de seu mundo encantador
Não consegue enxergar as almas?
É porque ainda não estás
totalmente insano
Não deixou a melodia tocar-lhe
Dance, use sua imaginação
E logo você os verá
e juntará-se a eles
nesta dança sem fim
Dance comigo,
apenas dance.

(Nanda)

Nenhum comentário:

Postar um comentário