Páginas

25 de fev de 2011

 
Tenho acordado todos os dias, tentando entender o que se passa dentro de mim. Às vezes sou a pessoa mais doce do mundo, às vezes a mais ruim. Sensações me perseguem e na maioria das vezes, muda minha personalidade de uma hora pra outra, me tornando assim, uma pessoa desagradável. Tentativas totalmente em vão, porque nem eu ao menos sei, o que se passa aqui, aqui dentro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário