Páginas

8 de abr de 2011

"Não me olha fisicamente, eu tenho o coração mais bonito, só que ninguém presta atenção, tenho olhos pretos eles são uma pura distração. As vezes paro pra pensar como é bonito a forma com que olho para as coisas, um lápis pequeno se torna uma coisa com que posso escrever um texto, um livro se torna lágrimas, muita gente não para pra chorar com um livro sendo que a história é mentira, mas eu sou assim. Eu me assusto comigo as vezes, eu não tenho medo do escuro, só que tenho medo do escuro quando estou sozinha na rua, sinto que alguém anda atrás de mim, ou coisa assim, eu tenho fé, mas sempre acho que algo vai me atrapalhar, eu sou engraçada, mas sou muito bipolar. Eu não penso ainda em achar o amor da minha vida, claro, mas quero ficar com quem realmente merece meu respeito, meu afeto, meu carinho. Eu descido as coisas na hora, não aguento ficar pensando numa resposta durante dias, isso me da dor de cabeça. Queria viver no mundo onde não exista a falsidade, onde o amor prevaleça e seja real, onda não exista a guerra, os conflitos, o pessimismo, o egoísmo, a inveja, a gula, a avareza, a preguiça, o mal e que todos os problemas se resolvam. Mas, acho que é melhor eu acordar pra vida, estou sonhando muito alto, não quero cair desse modo."

Nenhum comentário:

Postar um comentário